Menu
Menu

O transporte aéreo na América do Sul

O transporte aéreo na América do SulMuitas pessoas preferem viajar de trem, de carro ou até mesmo de navio. A grande maioria escolhe estes meios de transporte alternativos para evitar voar. Porém, na América do Sul, estes meios de transportes são limitados e demandam muito tempo.

A América do Sul possui uma área de mais de 17 milhões km², isso é quase o dobro do continente europeu. Por este motivo, viagens de trem, carro ou navio por longas distâncias deixam de ser interessantes, quando as férias são curtas ou limitadas.

Resta apenas viajar de avião pelo continente. Este meio de transporte é muito seguro e tem crescido muito nos últimos anos na América do Sul. Atualmente existem mais de 60 companhias aéreas oferecendo voos comerciais pelo continente. Algumas regiões como os Andes e o norte da América do Sul só podem ser acessados de avião, devido a demografia do terreno e florestas densas. Por estas razões, este meio de transporte é essencial para América do Sul.

Tempo?

Como explicado previamente, as viagens de ônibus e carro são inviáveis para lingas distâncias.

De Rio de Janeiro a Lima

No mapa você pode ver um exemplo bem simples: uma viagem partindo do Rio de Janeiro (Brasil) até Lima (Peru). A distância total entre as duas cidades é de mais de 5000 km.

A viagem de carro (sem parar) leva 66 horas enquanto a viagem de avião leva apenas 5 horas.

Custo?

Na América do Sul é possível encontrar tickets por ótimos preços, graças à entrada das companhias aéreas de baixo custo no mercado que aconteceu nos últimos anos.

Infelizmente muitos países como o Brasil, Chile e Uruguay cobram uma taxa aeroportuária e impostos altos, o que eleva bastante o custo do ticket e acaba deixando a viagem mais cara do que ela deveria ser.

Em todo caso, o crescente número de companhias aéreas no continente tem aumentado a concorrência e barateado os custos. Comparando a 10 anos atrás, o custo das passagens aéreas caiu mais de 52% e a tendência é cair ainda mais.

Segurança?

Graças aos investimentos em tecnologia e aeronaves ainda mais modernas e seguras, o número de acidentes envolvendo aeronaves comerciais tem caído a cada ano. Dados do Bureau of Aircraft Accidents Archives mostram que nos últimos três anos o número de acidentes fatais caiu em 39%.

Além disso, a América do Sul aparece em quarto lugar na lista de continentes com maior número de acidentes aéreos, disponível em Aviation Safety Network. Veja abaixo a lista de acidentes aéreos envolvendo civis por continente de 1945 até 2013:

# continente acidentes fatalidades
1 América do Norte 1023 13523
2 Europa 1020 23180
3 Ásia 727 18985
4 América do Sul 635 10839
5 África 405 7985
6 América Central 170 2319
7 Australásia 134 1529
8 Águas internacionais 84 2781

Isto mostra que a aviação é de longe um meio de transporte seguro, especialmente na América do Sul.

Etiquetas: , , , , ,

Postar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cabeçalho